Funcionalidades de um ESB

Samuel Martins Delfim 3 de março de 2009 1
Funcionalidades de um ESB

Um dos objetivos deste post é dar uma breve explicação sobre as principais funcionalidades de um ESB que são o roteamento a transformação e a mediação.

Os envolvidos numa comunicação através do ESB não precisam compartilhar o mesmo protocolo de comunicação ou formato de mensagem, pois fica a cargo do ESB realizar as transformações necessárias nas mensagens trocadas. Isto acontece através do serviço de transformação do ESB. Por exemplo, uma mensagem com 10 campos enviada através de SOAP pode ser recebida pela outra ponta como uma mensagem JMS com 4 campos removidos.

O serviço de mediação no ESB compreende todo o workflow de mensagens envolvido para realizar uma determinada “interação” entre os participantes. Os participantes não entram em contato um com o outro, e sim, toda comunicação é mediada pelo ESB. Mediações complexas podem também ser formada a partir do encadeamento de outras mediações. Por exemplo, qualquer mensagem enviada de um componente para outro requer a mediação do ESB.

O serviço de roteamento de um ESB oferece uma infra-estrutura de comunicação e localização comum que pode ser utilizada para conectar serviços sem que os desenvolvedores precisem realizar uma lógica de conectividade complexa. Por exemplo, uma requisição a um serviço é realizada ao ESB por um componente sem que este conheça a localização física do serviço desejado, nem mesmo por qual caminho a solicitação será trafegada até chegar ao seu destino.

Um produto de mercado ESB se chama Websphere Message Broker. Esta é uma solução IBM para implementar um EAI robusto baseado em mensagens e serve para conectividade entre aplicações, mediações entre fornecedores e clientes e criação de um barramento de serviços.

Entre as principais funcionalidades temos o roteamento, transporte e mediação, suporte a pilha WebServices, integração com transportes do WebSphere MQ e repositório de mensagens persistentes.

Entre os mecanismos e protocolos suportados temos JCA, WebServices, Mensagens MQ, TCP/IP, Hats. Pode através de algum destes protocolos comunicar com Mainframe CICs entre outros.

O produto também permite virtualizar o acesso aos serviços e os disponibilizar de forma simples o acesso a aplicações heterogêneas. Suporta também como transporte http e SOAP, suporte a aplicações de tempo real, envio de mensagens, entre outros,

A arquitetura de referência se baseia em 4 elementos centrais:

· A modelagem e a simulação de novos processos de negócio. A ferramenta chave é o Websphere Businnes Modeler. Este produto permite que se modele o processo de negócio e utilize os serviços disponibilizados nas camadas inferiores.

· Desenvolvimento de novos serviços e processos – As ferramentas chave são o Rational RAD e o Websphere Integration Developer.

· A execução de processos – A ferramenta chave é o WPS (Process Server). O WPS requer um ESB para operar (WESB ou ESMB).

· A monitoração de processos com o WebSphere Business Monitor.

É isto aí pessoal. Espero que esta introdução sobre ESB ajude quem está começando.

image

Um comentário »

  1. Paulo Cesar Lomeu 7 de agosto de 2013 de 2:59 pm - Reply

    Excelente Artigo. Muito claro. Mesmo para arquitetos com mais experiência é muito esclarecedor.

    Sou Arquiteto de Soluções, porém na empresa que trabalho existem diversos cenários: SAP Netweaver, IBM Websphere ESB, Websphere Portal, WPS, Sharepoint e diversos sistemas legados em Delphi e VB6. Entrei a pouco tempo e não existe uma arquitetura definida, cada equipe trabalha separadamente dentro da plataforma que domina.
    O meu chefe pediu para eu fazer um desenho de arquitetura que permitisse integrar SAP, Websphere, Sharepoint e sistemas legados. Não posso excluir nenhuma dessas plataformas pois tem coisas desenvolvidas em cada uma delas.

    Minha pergunta é, eu posso utilizar o barramento ESB para integrar tudo ?
    Se utilizar os Adapters do Websphere posso integrá-los com os serviços no ESB ?
    O senhor teria algum desenho de arquitetura para este tipo de cenário ou poderia me indicar onde posso encontrá-lo?

    Muito obrigado.

Deixe uma resposta »